polibrassoftware ×
Blog

Sistema em nuvem para o distribuidor atacadista

30 de agosto de 2021
Sistema em nuvem para o distribuidor atacadista

Não é de hoje que o mercado vem buscando soluções mais ágeis e seguras que possibilitem o crescimento exponencial das empresas. Em meio a tantas tecnologias, o sistema na nuvem é algo que vem deixando de ser apenas uma opção para ser o essencial.

Por ser uma solução tecnológica totalmente web, o sistema na nuvem ainda sofre alguns preconceitos por parte daqueles que não sabem como ele funciona. Ao contrário do que muitos acreditam, esse tipo de sistema é sim bastante seguro, garantindo inclusive, mais segurança que os sistemas locais.

Os sistemas locais são aqueles que precisam ser instalados no computador por meio de um instalador desenvolvido por uma software house. Além disso, a pouca mobilidade é a primeira diferença percebida entre ele e o sistema web.

Para saber como funciona o sistema na nuvem e entender a sua importância nos dias de hoje, fizemos este conteúdo listando as 7 vantagens desse tipo de software para as empresas, principalmente o distribuidor atacadista.

Mas antes de falarmos dessas vantagens, vamos compreender o que é um sistema na nuvem e porque ele surgiu.

O que é sistema na nuvem?

O sistema na nuvem, nada mais é que um sistema executado em uma plataforma cloud computing, ou seja, armazenamento e compartilhamento de dados e arquivos por meio da internet.

Mesmo existindo softwares na nuvem que ainda são instalados no computador, a grande maioria desses sistemas são totalmente acessados por meio de um navegador web. Dessa forma, o usuário entra na plataforma através de um site, efetua o login com a sua senha e passa a ter acesso diretamente pela internet.

Esse tipo de sistema ganhou destaque por diversos motivos, entre eles a possibilidade de ser acessível para todos os tamanhos de empreendimentos, pois garantem modelos de implantação mais ajustados à realidade de cada empresa, além de personalizações e baixo custo.

No campo de estudo, a computação na nuvem vem sendo discutida desde 1997, mas somente a partir de 2006 que essa tecnologia passou a ser comercializada.

Ainda não se sabe ao certo quem deu o pontapé inicial no mercado. Alguns afirmam que foi a Amazon, outros citam a Google, e alguns estudam concluíram que foi a empresa americana de telecomunicações AT&T.

Independente de quem trouxe essa maravilha tecnológica para as nossas vidas, podemos dizer que se trata de uma tecnologia bastante necessária para o mundo globalizado em que vivemos. Por isso, separamos 7 vantagens do sistema na nuvem focando na realidade do distribuidor atacadista.

Continue lendo e confira quais são!

7 vantagens de um sistema na nuvem para o distribuidor atacadista

A tecnologia cloud certamente é essencial para empresas de praticamente todos os segmentos. Mas quando falamos do distribuidor atacadista, falamos de um tipo de negócio que trabalha com alto volume de dados e uma enorme quantidade de clientes.

Além deste cenário, as distribuidoras ainda passam por diversas mudanças externas que refletem diretamente nas suas operações. Portanto, ter informações e análises com agilidade e segurança é algo que não pode fugir da rotina desse tipo de empresa.

A partir de agora vamos apresentar sete grandes vantagens do sistema na nuvem para o distribuidor atacadista. Para começar, vamos falar sobre a segurança, provavelmente a mais importante de todas.

Sistema em nuvem para o distribuidor atacadista

1. Segurança completa

A segurança é algo fundamental para qualquer empresa. Os cuidados vão desde ataques de hackers até o dado correto sobre determinada análise ou informação.

Com o avanço da internet pelo mundo e as pessoas cada vez mais conectadas, as tecnologias foram avançando numa velocidade nunca vista antes. Porém, na mesma proporção em que essas tecnologias foram surgindo, a criatividade dos criminosos digitais também cresciam de vento em popa.

Por isso, a segurança que visa proteger os dados da empresa, é considerada a mais essencial quando comparada a outros tipos de segurança.

Com a tecnologia na nuvem, o distribuidor atacadista evita que alguns problemas possam paralisar a empresa causando enormes prejuízos. Alguns desses problemas são:

  • ataques cibernéticos: a invasão de um hacker pode gerar uma grande dor de cabeça, pois esses criminosos são especializados em roubar dados importantes. Assim que eles têm posse desses dados, passam a pedir muito dinheiro como forma de resgate. Esse não é o único tipo de ataque, portanto, um sistema na nuvem está sempre preparado para todas as situações;
  • acidentes e incidentes: arquivos salvos no servidor local, podem facilmente ser destruídos por um incêndio, inundação ou até mesmo por um colaborador descuidado que acaba deletando permanentemente um arquivo;  
  • aparelhos danificados: quem nunca ouviu falar de um servidor que queimou ou um HD externo que caiu no chão e parou de funcionar? Podem parecer situações simples, mas só se sabe o quanto isso é estressante no momento em que acontece.

Um detalhe que muitos não sabem, é que o software na nuvem é desenvolvido também por empresas especializadas em segurança. Essas empresas desenvolvem as mais seguras barreiras tecnológicas que praticamente impedem a invasão de maliciosos. Já ouviu falar em criptografia? Pois saiba que esse é só um dos diversos obstáculos criados para dificultar a vida dos criminosos virtuais.

E já que estamos falando de precauções e proteção digital para as empresas, não podemos esquecer que a LGPD – Lei Geral de Proteção de Dados, que está em vigor desde agosto de 2020, passou agora a fazer auditorias e autuações nas empresas que a descumprirem. Os sistemas na nuvem já estão preparados para essa realidade legal, o que os tornam ainda mais vantajosos.

Além da segurança física dos dados, existe um outro tipo de segurança muito importante: a tomada de decisão certa para conduzir a empresa.

Tomar uma decisão importante para a estratégia da empresa não é nada fácil, principalmente quando esses dados podem estar errados ou indisponíveis no momento em que precisa. Este assunto faz parte da próxima vantagem.

Enfim, quando analisamos todas as possibilidades de perdas de dados, o sistema na nuvem ganha disparado no quesito segurança.

2. Relatórios seguros

Os relatórios são informações que nos ajudam a decidir o caminho certo que a empresa deve seguir. Mas isso se torna muito difícil quando essas informações estão erradas.

Os sistemas locais são na maioria dependentes de atualizações manuais, o que demanda tempo, disciplina, boa comunicação entre empresa e software house, além de trocas de equipamentos. Afinal, é comum depois de algumas atualizações, o sistema operacional de um computador não ser mais compatível com as novas versões do sistema.

Ao levarmos tudo isso em consideração, percebemos o quanto o distribuidor atacadista fica vulnerável a erros e dados desatualizados sobre sua própria operação.

Quando temos relatórios inconsistentes em mãos, podemos tomar as piores decisões para a estratégia da empresa. Com o sistema na nuvem, esse problema praticamente não acontece, pois tudo é atualizado em tempo real.

3. Atualizações automáticas

Já que falamos agora pouco sobre as atualizações, não podemos deixá-las de fora dessa lista de vantagens.

Os sistemas na nuvem, são totalmente desenvolvidos na web, e por isso, toda e qualquer atualização ocorre de forma automática e sem erros. Na maioria das vezes, o usuário só percebe que houve uma atualização quando nota alguma diferença visual.

Como esse tipo de atualização praticamente zera as inconsistências no sistema, os dados passam a ser confiáveis e prontos para serem acessados a qualquer momento.

4. Mais produtividade

Com a possibilidade de ter as informações sempre à disposição. Esse tipo de tecnologia garante que os profissionais estejam sempre preparados para agir e buscar novas estratégias para a empresa.

Em uma distribuidora, por exemplo, o colaborador pode saber em tempo real a média de pedidos que um determinado cliente costuma solicitar, assim como o status do pedido ou a disponibilidade do estoque. Tudo isso a qualquer momento ou lugar. Está em uma sala de reunião com sua equipe e precisa de um determinado dado? Com o sistema na nuvem o seu colaborador vai precisar no mínimo de um smartphone.

Com toda essa facilidade, os colaboradores entregam mais e perdem menos tempo para analisar um dado e fazer uma apresentação de resultados.

Sistema em nuvem para o distribuidor atacadista

5. Fácil adesão

A adesão para esse tipo de sistema é bastante simples. A partir do momento em que tudo está configurado na nuvem, o usuário precisará apenas de um login e senha para acessar todas as informações. Fora que muitas vezes a compra do sistema é feita totalmente online sem necessidade de falar com um vendedor no primeiro momento.

Nesses casos, a implantação também costuma ser mais rápida, já que a fase de instalação praticamente não existe e cabe apenas treinar os colaboradores sobre como usar o sistema.

Com a tecnologia na nuvem, o empresário evita trocar equipamentos incompatíveis com o software, eliminando assim, certos gastos indesejados.

6. Menos custos e despesas

Você já parou para pensar em todos os custos e despesas que um sistema local pode gerar para a sua distribuidora?

Geralmente, esse tipo de sistema exige da empresa o uso de servidores e um profissional de TI pronto para atender a qualquer adversidade.

Os sistemas locais sempre trazem consigo os custos ocultos. Esses custos são aqueles que estão lá, mas nunca percebemos que eles existem. Alguns deles são:

  • hardwares;
  • backups;
  • espaços para armazenamento;
  • energia elétrica;
  • espaço físico;
  • refrigeração;
  • técnicos de tecnologia da informação, e outros.

Quando olhamos para o sistema na nuvem, percebemos que esses custos praticamente não existem. Sendo, portanto, mais baratos e eficientes.

7. Mobilidade e acessibilidade

E para fechar, uma das vantagens que mais brilham os olhos dos empresários, gestores e analistas: a mobilidade e a acessibilidade.

Com um sistema totalmente em nuvem, qualquer profissional tem a possibilidade de acessá-lo de onde estiver. Não importa se está em casa, no trânsito, em algum supermercado conversando com o cliente ou até mesmo em uma viagem fora da cidade. Sempre que quiser acessar o sistema, ele estará disponível!

Além da mobilidade, podemos contar com a acessibilidade. Afinal, você pode consultar as informações no sistema através do seu computador, smartphone ou tablet.

Essa ideia de que precisa voltar à empresa para consultar algum dado é coisa do passado. Tudo estará disponível onde e como quiser.

Como o sistema na nuvem impacta na concorrência?

A partir do momento que a empresa está equipada com um sistema na nuvem, ela passa a ser mais rápida e precisa nas suas decisões.

Com a concorrência acirrada, o distribuidor atacadista precisa ter sempre em suas mãos, informações necessárias para saber a melhor forma de conquistar novos clientes. Além de estratégias de marketing local e retenção de clientes que já fazem parte da carteira da empresa.

Vale lembrar que um vendedor que está sempre preparado com as informações necessárias para abordar um cliente (novo ou não), garante mais chances na hora de fechar as vendas.

Estar adaptado às novas tecnologias já faz parte das estratégias de competitividade, portanto, o sistema na nuvem já faz parte dessa realidade e não pode ficar de fora. Quem tem respostas ágeis e elimina as possibilidades de erros, estará sempre alguns passos à frente de quem não tem.

Gostou deste conteúdo? Então compartilhe com seus amigos!

Compartilhe esta página: